Interdição de Idoso Lúcido É POSSÍVEL?

Interdição de Idoso Lúcido
Sumário

Interdição/curatela de Idoso Lúcido é possível? A interdição é uma medida judicial que impossibilita o interditado de exercer determinados atos da vida civil. Interditar alguém é impedir que essa pessoa exerça esses atos por si só.

Mas e se esse idoso estiver lúcido, a curatela ainda é possível?

Saiba como entrar com a ação de interdição clicando aqui.

A Interdição COMPLETA de Idoso Lúcido não é Possível

A idade ou condição de idoso, por si só, não possibilita a interdição.

Para interditar o idoso, é necessário que ele não consiga exercer sua vontade, ou seja, não possui o discernimento necessário.

Portanto, se o idoso está lúcido e sabe discernir o que é bom para ele, entende as responsabilidades da vida civil, não é possível interditá-lo COMPLETAMENTE.

Então a resposta é clara: não, se o idoso está lúcido, não é possível interditá-lo.

A Tomada de Decisão Apoiada como Alternativa

A tomada de decisão apoiada possibilita ao idoso ainda lúcido, mas com certo déficit em tomar decisões, a terem dois apoiadores para lhe auxiliar.

Os apoiadores não tomam a decisão pelo idoso, mas sim, ajudam a zelar pelos seus direitos e entregam informações necessários para que idoso consiga optar pela melhor escolha.

A tomada de decisão apoiada não é recomendada quando a pessoa já não está mais em condições de tomar decisões. Essa constatação pode ser verificada em laudo médico junto a psiquiatra, terapeuta ou neuro.

Como saber se o Idoso está ou não Lúcido?

É muito comum que com a idade, o idoso vá desenvolvendo demência ou Alzheimer de forma gradual.

Em razão disso, a família imagina que o idoso está lúcido, no entanto, ele pode já estar iniciando um problema mental.

Para descobrir verdadeiramente se ele está lúcido, não deixe de realizar uma avaliação médica ou conversar com algum profissional.

Depoimentos

Confira o que nossos clientes dizem sobre nós.

Excelente
Com base em 157 avaliações
Deborah
Deborah
19/06/2024
Primeiro atendimento,muito humano e acolhedor! Realmente, o atendimento é personalizado e rápido.
Neli Albertina Ferreira Floriano
Neli Albertina Ferreira Floriano
31/05/2024
Ótima, excelente atendimento.
Eduardo Pereira
Eduardo Pereira
30/05/2024
Primeiramente agradecer vocês pelo excelente trabalho.. que vocês são bem atenciosos.. dizer também que o nosso processo era bem difícil com a experiência de vocês a dedicação de vocês nós conseguimos um ótimo resultado a favor.... Que Deus abençoe vocês sempre
Iara Correa
Iara Correa
29/05/2024
Excelente perguntas objetivas e precisas
Bruna Ilibio
Bruna Ilibio
28/05/2024
Muito eficiente super recomendo atenção, dedicação foco
Maria Dalva
Maria Dalva
22/05/2024
Estou sendo atendida de uma maneira inexplicável,com carinho e atenção.. parabéns 🙏

Quem somos

Advogada Daiane sentada em uma poltrona, se encontra sorrindo com seu braço esquerdo sobre o ombro direito e pernas cruzadas.

Daiane Tomé Furlanetto

Sócia-Advogada. Possui 7 anos de experiência na prática jurídica e é membro da comissão de direito dos Idosos da Subseção da OAB de Criciúma/SC

 
 
 
 
Advogada Beatriz Meller Garcia, com cabelos de médio comprimento, se encontra sorrindo, sentada em uma poltrona, vestindo uma blusa com um blaser branco por cima.

Beatriz Meller Garcia

Sócia-Advogada. Possui 7 anos de experiência na prática jurídica e é membro da comissão de direito dos Idosos da Subseção da OAB de Criciúma/SC

Deixe seu comentário:

Utilizamos cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com nossa Política de Privacidade.